Missão Educacional

Home Fóruns Gestão Missão Educacional

Este tópico contém 7 respostas, 7 vozes e foi atualizado pela última vez por  Maricelma Almeida Chaves 5 anos, 7 meses atrás.

8 posts - 1 de 8 (de 8 do total)
  • Autor
    Posts
  • 20/11/2012 em 11:32 #255
    Pnem
    Pnem
    Administrador Mestre

    Definir a missão da área educacional a partir da missão institucional do museu, considerando o acervo institucional e operacional como referenciais importantes para o desenvolvimento das ações educacionais do museu e os anseios dos atores sociais com os quais os projetos estejam sendo desenvolvidos;

    02/12/2012 em 17:19 #453
    daniele.alves
    daniele.alves
    Subscriber

    Importante ressaltar que a definição de cada Programa no Plano Museológico deve ser construída coletivamente com a equipe de profissionais do museu.

    03/12/2012 em 13:34 #462
    Fernanda Castro
    Fernanda Castro
    Subscriber

    Parte também importante é  a participação comunitária. A criação de fóruns de consulta e debate sobre o papel do museu na comunidade, sua relação com escolas e demais instituições culturais pode garantir uma gestão mais democrática, que atenda as demandas da população e crie laços entre o museu e aqueles a quem seus serviços são direcionados.

    03/12/2012 em 16:49 #470
    Ozias Soares
    Ozias Soares
    Subscriber

    Nossa!!! Mas dá muito trabalho essa coisa de pensar, de construiur tudo junto né?! Acho que vamos chegar lá… por enquanto, precisamos arranjar um jeito de fazer com que pelo menos as nossas equipes internas se conversem… Mas, confesso que falam-se tanto em “Missão” ultimamente que vamos acabar virando todos “missionários”!! Bem, mas nada de ficar com medo dos conceitos (entrem nos meus posts de “perspectivas conceituais”). Concordo com Fernanda que precisamos ampliar mais essa participação na “razão de ser”, na “função social integral” dos Museus. Mas como fazer para que os “atores sociais” participem dessa construção da “missão”?

    06/12/2012 em 13:15 #509
    daniele.alves
    daniele.alves
    Subscriber

    Certamente Fernanda, o instrumento do Plano Museológico abrange um potencial extremamente democrático, é fundamental pensar na relação do museu com sua comunidade e estimular que os laços sejam cada vez mais estreitos. Sabemos, como bem disse o Ozias, que mobilizar esses atores externos é um grande desafio.

     

    11/12/2012 em 14:45 #551

    Olá, como o Ozias, creio que esta discussão cruza com o tópico sobre Conceituação. A missão é do museu. A missão deve ter apelo educacional, pois o museu tem essa função, além da científica e social. O setor/área de educação do museu deve ser extensão dessa missão naquilo que lhe é específico.

    09/02/2013 em 13:51 #856

    milene chiovatto
    Subscriber

    Concordo com Marília e este é um ponto fundamental da conceituação proposta pelo Plano: não acredito que aqui devamos ”

    Fomentar ações educativas, a partir do conceito de patrimônio integral, voltadas para a promoção da cidadania e ação social;

    e na gestão:

     Fomentar, programar e garantir o desenvolvimento dos Programas Educativo-culturais nos Planos Museológicos para orientar o planejamento, a execução e a avaliação das ações educacionais oferecidas pelo museu;”"

    Acho que temos que garantir que a função educativa do museu esteja inclusa na missão institucional, afim de não construirmos um documento que apenas fomente ações e programas, mas sim um que professe que a educação é parte constitutiva do museu.

     

    04/04/2013 em 21:45 #1214

    Faço parte de uma equipe que atua em um pequeno museu no interior de Rondônia, aqui nossos desafios são inúmeros, contudo, o desafio maior, sem dúvida  é envolver e criar laços de comprometimento entre museu e comunidade. Sabemos contudo, que essa é uma relação pela qual todo e qualquer investimento vale a pena.

8 posts - 1 de 8 (de 8 do total)

O fórum ‘Gestão’ está fechado para novos tópicos e respostas.